top of page
Buscar

Quais são as 4 definições de inteligência artificial?



Certamente, as definições de inteligência artificial (IA) estão associadas às linhas de pensamento que orientam as pesquisas nesse campo do conhecimento. Nesse sentido, os sistemas de computadores são desenvolvidos com base na racionalidade e no pensamento.


Independente da base ser diferente, as definições ou linhas de pensamento buscam formas de estabelecer comportamentos inteligentes nas máquinas. Ou seja, usando a indagação de Minsky, há quase trinta anos: “Como fazer as máquinas compreenderem as coisas”.


Tendo isso em vista, este artigo tem o intuito de apresentar as 4 definições de IA, conforme a abordagem de John Paul Mueller e Luca Massaron, no livro “Artificial Intelligence for Dummies”.



Como entender as definições de inteligência artificial?


Por certo, as definições de inteligência artificial estão voltadas para as pesquisas em IA ligadas às áreas de aplicação que envolvem o raciocínio humano. Desse modo, buscam imitá-lo e fazer inferências, sendo as seguintes:


1.º - Sistemas Especialistas ou Sistemas Baseados em Conhecimento;

2.º - Sistemas Inteligentes/Aprendizagem;

3.º - Compreensão/Tradução de Linguagem Natural;

4.º - Compreensão/Geração de voz;

5.º - Análise de imagem e cena em tempo real;

6.º - Programação Automática.


O que implica no desenvolvimento constante das pesquisas para ampliar a “inteligência” do computador, tendo como suporte às pesquisas dos fenômenos da inteligência humana.

Assim, IA pode ser entendida como um conjunto de técnicas suportadas por computador, que buscam simular algumas das capacidades dos seres humanos. Dentre estas técnicas, as principais são as seguintes:

  • Sistemas Especialistas e Aquisição de Conhecimento;

  • Metodologias de Representação de Conhecimento;

  • Compreensão de Linguagem Natural;

  • Resolução de problemas;

  • Visão e Robótica.

A partir desses elementos, é importante esclarecer que o que diferencia os sistemas de computadores em suas aplicações práticas são as definições de inteligência artificial.

Ou seja, as linhas de pensamento que orientam as pesquisas com base na racionalidade e com base no pensamento. Nesse sentido, enfocam o pensar e agir como seres humanos e o pensar e agir racionalmente.



Conheça as 4 definições de inteligência artificial


Veja a seguir uma explicação detalhada de cada uma delas, conforme a abordagem de John Paul Mueller e Luca Massaron, no livro “Artificial Inteligence of Dummies”.



1.ª Definição

Sistemas que pensam como seres humanos


Dentre as definições de inteligência artificial, a primeira tem o foco em pensar como um ser humano. Ou seja, o computador executa tarefas que quando realizadas por humanos exige o uso da inteligência, opondo-se a um procedimentos mecânicos.


A forma de avaliar se um programa pensa como um ser humano foi definida com base na abordagem de modelagem cognitiva, que é baseado nas seguintes três técnicas:


1.ª - Introspecção: consiste em identificar e documentar as técnicas usadas para alcançar objetivos, com o acompanhamento dos próprios processos de pensamento;


2.ª - Testes psicológicos: consiste na observação do comportamento de uma pessoa com o objetivo de incluí-la em um banco de dados de condutas similares de várias outras pessoas. Para isso, são consideradas as circunstâncias, objetivos, recursos e condições ambientais.


3.ª - Imagens cerebrais: monitorar a atividade cerebral de forma direta com o uso de tomografia por emissão de pósitrons (PET), tomografia axial computadorizada (CAT), magnetoencefalografia (MEG) e ressonância magnética (MRI).


A partir da criação de um modelo é possível desenvolver um programa que simule o modelo criado. Tendo em vista a dificuldade de tratar com precisão os processos de pensamento como elementos de um programa, os resultados obtidos são em caráter experimental.



2.ª Definição

Sistemas que agem como seres humanos


Dentre as definições de inteligência artificial, a segunda tem o foco no agir humanamente, ou seja, o computador age como um ser humano, segundo o Teste de Turing. De fato, é um teste em que o computador é bem-sucedido se não é possível diferenciar entre a ação dele e de um humano.


Para isso são usadas as tecnologias voltadas para o processamento de linguagem natural, de raciocínio automatizado, de representação do conhecimento e aprendizado de máquina.

Além disso, na versão mais atual desse teste é observado o contato físico por meio de interrogatório de habilidade perceptiva, que requer o uso de visão computacional e robótica.


É importante esclarecer que as técnicas modernas estão mais voltadas para alcançar o objetivo do que imitar completamente os humanos. Desse modo, o exemplo dos irmãos Wright ajuda a entender essa mudança de concepção.


Isso porque eles não conseguiram criar um avião copiando exatamente o voo dos pássaros. De fato, a partir do voo dos pássaros desenvolveram ideias que possibilitaram chegar ao conceito de aerodinâmica, que permitiu o voo do avião.


Com isso, é fácil entender que existem diferentes formas de realizar um objetivo, dependendo das diferentes abordagens elaboradas.



3.ª Definição

Sistemas que pensam racionalmente


Dentre as definições de inteligência artificial, a terceira tem o foco no pensar racionalmente, ou seja, com base em diretrizes que descrevem comportamentos humanos típicos. Isso porque uma pessoa é racional quando segue comportamentos dentro de certos níveis de desvio.


Para isso, é feito um estudo de como os humanos pensam, usando algum padrão, para estabelecer diretrizes que descrevem as condutas humanas consideradas típicas. Desse modo, para um computador pensar racionalmente precisa do registro de comportamentos.


Sendo que esses comportamentos registrados funcionam como um guia de como interagir em um determinado ambiente, baseado nos dados disponíveis. Sem dúvida, isso atende ao objetivo dessa definição que é resolver problemas logicamente.



4.ª Definição

Sistemas que agem racionalmente


Dentre as definições de inteligência artificial, a quarta tem o foco no agir racionalmente, ou seja, com base nas ações registradas para interagir com um ambiente em condições, fatores ambientais e dados existentes pré-determinados.


Para isso, é preciso estudar como os humanos agem em situações específicas, com condições de restrições estabelecidas, para identificar as técnicas mais eficientes e eficazes.


Isso porque os atos racionais dependem de uma solução dada em princípio, que fornece para um computador uma linha de base para começar a negociar a conclusão bem-sucedida de uma meta.


A partir das 4 definições de inteligência artificial apresentadas, é fácil entender o seu desenvolvimento para que as pesquisas cheguem às aplicações práticas. Sem dúvida, chamam a atenção da maioria das pessoas no mundo inteiro.


Se quiser mais informações sobre esse assunto, acesseLifesHub, e tudo que temos para oferecer com base em Inteligência Artificial.

209 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


Ícones Lifeshub Whatsapp.png
bottom of page